quarta-feira, 4 de março de 2015

CADASTRE-SE NO BLOG BRINQUEDOS COM SUCATA E GANHE UM E-BOOK


Cadastre-se gratuitamente no Blog Brinquedos com Sucata e faça parte da minha Lista Vip. Como brinde você receberá, no seu email, o E-book “10 Benefícios que Brinquedos e Brincadeiras Proporcionam às Crianças”, com sugestão de 5 brincadeiras para serem realizadas na escola, em casa, na praia, na rua ou em clubes.

Basta enviar seu melhor email para kaciannif@yahoo.com.br com nome completo e cidade onde reside. No assunto, coloque: Cadastro no Blog Brinquedos com Sucata.

Você receberá artigos com exclusividade e participará de sorteios de livros sobre diversas temáticas, incluindo brinquedos e brincadeiras.

Promoção válida até 31 de março/2015. Não perca esta oportunidade.

Faça agora o seu cadastro e aguarde até três dias úteis para receber, no seu email, o E-book “10 Benefícios que Brinquedos e Brincadeiras Proporcionam às Crianças”.


Bom proveito!

domingo, 22 de fevereiro de 2015

E-book Origem dos Brinquedos, Volume 1





O E-book Origem dos Brinquedo, de A a L, Vol. 1, é um excelente registro cultural de 39 brinquedos, entre artesanais e industrializados (nenhum eletrônico). Ferramenta valiosa e um verdadeiro deleite para educadores, bem como para crianças de todas as idades. 

Para adquirir o E-book Origem dos Brinquedos, Volume 1, clique no link abaixo:

Hotmart é uma plataforma de e-commerce para produtos digitais, 

ou seja, o E-book é um livro digital e chegará até você 
através do seu e-mail cadastrado na plataforma citada.

Mais informações, envie email para kaciannif@yahoo.com.br

sábado, 21 de fevereiro de 2015

Helicóptero de Papel - Brinquedo



Do livro “Origem dos Brinquedos”, de autoria da Arte Educadora Kacianni Ferreira, lançado no IFRN Cidade Alta – Natal/RN, em setembro/2014.

Helicóptero de papel

O helicóptero de papel é um brinquedo artesanal, confeccionado com um pedaço de cartolina, canudo plástico, clipe de prender papel, fita adesiva e tesoura. Há formatos ainda mais simples (helicóptero planador, peixinho, com palito de pirulito, entre outros). O helicóptero peixinho, por exemplo, é feito apenas com um pequeno pedaço de cartolina e tesoura.
     
O brinquedo é fácil de fazer e requer pouco material, além do mais, as crianças adoram brincar com ele. Ao jogá-lo para o alto, gira de forma semelhante a hélice de um helicóptero. Só é preciso ter cuidado para não cair em locais molhados, pois, assim, ele não vai girar, cairá direto no chão e adeus brincadeira.
   
O helicóptero é uma aeronave de asa rotativa, diferente da aeronave de asa fixa. A principal vantagem do helicóptero é que este permite decolagens e aterrissagens em áreas congestionadas ou isoladas, onde os aviões não podem decolar ou pousar.
   
A palavra helicóptero é derivada do grego Helikos (hélice) e pteron (asa) e foi cunhada pelo pioneiro da aviação Gustave Ponton d´Amecourt, em 1863.
 
Gostou desse brinquedo? Comente aqui ou envie sua mensagem para kaciannif@yahoo.com.br

segunda-feira, 16 de fevereiro de 2015

O brinquedo e o brincar


Os brinquedos contam um pouco da história da humanidade,
seu desenvolvimento, descobertas, valores, formas de vida, trabalho,
lazer, costumes, artes, contribuindo com as interações sociais
e ampliando a visão de mundo, entre outros fatores importantes.

Geralmente o brinquedo é associado às crianças, mas também é
utilizado para descrever objetos com a mesma finalidade para adultos.

Mas, afinal, o que é um brinquedo? Um brinquedo é um objeto,
tanto instrumental quanto fantasioso, ou ainda uma atividade lúdica.

Segundo o Novo Dicionário da Língua Portuguesa, brinquedo
é todo “objeto que serve para as crianças brincarem”,
é “divertimento”, “passatempo”, “brincadeira”, “folguedo”.

Para Tizuko Kishimoto, professora titular da Faculdade de Educação da USP
e especialista no assunto, brinquedo, no aspecto material e imaterial,
é qualquer objeto (industrializado, sucata, uma voz, uma ideia)
utilizado como algo que se destina ao brincar,
que se torna um suporte para uma ação lúdica.

O brinquedo é de vital importância para a criança por propiciar
o desenvolvimento simbólico, estimulando a imaginação;
criar oportunidades de socialização; capacidade de raciocínio e autoestima.

Vale salientar que há educadores e estudiosos que questionam a utilização
de brinquedos como recurso didático para ensinar conteúdos,
comportamentos e valores, por abolir a brincadeira
e determinar situações de aprendizado (OLIVEIRA, 1989).

Por outro lado, o brinquedo e outras atividades lúdicas são defendidos pela
maioria dos pensadores e estudiosos da Psicologia e da Educação (FROEBEL, 2002;
VIGOTSKY, 2009; PIAGET, 1978), como excelentes recursos para observação dos
interesses e ações da criança, ressaltando a importância que têm no processo
de aprendizagem e socialização.

Na realidade, uma teoria não anula a outra, pois permitem dialogar
entre si e com outras mais.
O ideal é extrair o que elas têm de mais eficaz,
evitando estabelecer fronteiras entre o brinquedo e o brincar.

Da mesma forma que a criança precisa de momentos livres,
sem a interferência do adulto e sem a intenção de aprender
conteúdos específicos, é importante que tenha atividades
direcionadas e supervisionadas, seja no ambiente familiar ou escolar.
Para tanto, é necessário bom senso, permitindo-lhe vivenciar
cada um desses momentos.
Ambos são importantes e mediando-se as situações,
não haverá necessidade de radicalizá-las.

E você? Já tinha refletido sobre isso?

Comente este artigo. Se tiver alguma dúvida entre em contato
através do email: kaciannif@yahoo.com.br


quarta-feira, 21 de janeiro de 2015

Universidade do Brinquedo - Texto 1

Desde o ano 2000 venho realizando projetos de conscientização ambiental através de oficinas de brinquedos, jogos e peças decorativas com material reciclável, com crianças, jovens e adultos (educadores).

A partir de 2006 estas atividades foram ampliadas e passei a ministrar, também, as oficinas de brincadeiras de roda, musicalização, contação de histórias, danças circulares dos povos, educação ambiental, entre outras.

De 2009 a 2014 publiquei livros com as temáticas brinquedos e brincadeiras e, percebendo interesse de muitas pessoas, decidi criar a Universidade do Brinquedo, inaugurada no dia 06/01/2015.

A Universidade do Brinquedo é espaço online que oferece cursos, workshops, oficinas, palestras e formação docente a instituições de ensino, professores e demais pessoas interessadas nas temáticas: brinquedos, brincadeiras, faz de conta, contação de histórias, musicalização, educação ambiental, entre outras.

A motivação maior para a criação da UNIBRINQUE é estimular educadores a realizarem atividades com ludicidade, utilizando brinquedos, brincadeiras, jogos, faz de conta, contação de histórias em favor de uma educação com mais prazer e mais sabor, parafraseando Rubem Alves.

Se você tem interesse nessas temáticas, curta a fanpage Universidade do Brinquedo.

quarta-feira, 7 de janeiro de 2015

Universidade do Brinquedo - UNIBRINQUE


Dia 06 de janeiro de 2015, foi a inauguração oficial da Universidade do Brinquedo - UNIBRINQUE.

Para curtir e conhecer a Universidade do Brinquedo acesse o link:
https://www.facebook.com/pages/Universidade-do-Brinquedo/965482160147877?ref=hl

Bem vindos à Universidade do Brinquedo, espaço online que oferece cursos, workshops, oficinas, palestras e formação docente a instituições de ensino, professores e demais pessoas interessadas nas temáticas: brinquedos, brincadeiras, faz de conta, contação de histórias, musicalização, educação ambiental, entre outras.

Afinal, quem não gosta de brinquedos? Quem não foi apaixonado ou apaixonada por algum brinquedo na infância? Comecei a confeccionar brinquedos com material reciclável desde 2002, por conta de um projeto de conscientização ambiental, e desde 2006, quando entrei na rede municipal de ensino de Natal, como professora de artes, comecei a colecionar os mais diversos brinquedos.

Em 2009 lancei o livro Confecção de Brinquedos e Brincadeiras, na Livraria Siciliano, atual Saraiva. Livro este fruto de minhas experiências em sala de aula e das oficinas ministradas desde 2002 para crianças, jovens e adultos, principalmente professores. Enviei a referida obra para quatro editoras de âmbito nacional, entre elas, a Editora Vozes, no Rio de Janeiro. Após quinze dias recebi email da editora comunicando interesse em publicar meu livro e fechar contrato. Fiquei surpresa e muito feliz com a ideia de ter um livro publicado por uma das maiores editoras do Brasil. Em abril de 2010, o livro Brincadeiras e Brinquedos estava nas principais livrarias do Brasil e na filial em Lisboa, Portugal. Desde então, a procura pelas oficinas triplicou. Fui convidada para ministrar oficinas em Natal e em outras cidades do Rio Grande do Norte, como também em diversas cidades de outros estados.

Outros livros foram lançados, entre os quais: Origem dos Brinquedos (2014), Muro de Sabonetes (2011), Atividades para Educação Infantil e Anos Iniciais do Ensino Fundamental (2011) e Psicologia das Cores (2013), estes dois últimos pela Editora WAK, também do Rio do Janeiro. Meu sentimento por todos é de gratidão. Agradeço a todos que participaram de minhas oficinas, cursos, minicursos, workshops, palestras, como também agradeço a todos que me convidaram para desenvolver atividades em escolas, CMEIs, secretarias de educação e do meio ambiente de Natal e de outras cidades do Rio Grande do Norte e de outros Estados do nosso imenso Brasil, ONGs, livrarias, shoppings, empresas de eventos, pizzarias, igrejas, centros espíritas, praças, parques, bosques, residências, condomínios, centros comunitários, universidades, faculdades etc.

Não citarei nomes, pois são muitos, mas com certeza, todos que me conhecem sabem do carinho e do amor que tenho pelo que faço. Sintam-se todos acolhidos e abraçados.

A todos que acreditaram, acreditam e divulgam meu trabalho, minha gratidão.
Para expressar essa gratidão
estou criando a Universidade do Brinquedo – UNIBRINQUE.



Para curtir e conhecer a Universidade do Brinquedo acesse o link:
https://www.facebook.com/pages/Universidade-do-Brinquedo/965482160147877?ref=hl

Para mais informações, envie email para: unibrinque@gmail.com

quarta-feira, 24 de dezembro de 2014

Para a criança, a brincadeira é altamente séria

Certa vez, uma mãe confessou a mim: “minha filha disse que estava trabalhando, mas na verdade ela estava brincando”. Então, expliquei a ela que a brincadeira não é trivial, ela é altamente séria e de profunda significância. Já dizia Friedrich Frobel (1782-1852), um dos principais educadores a enfatizar a importância do brincar, do brinquedo e do lúdico para as crianças. E digo mais: evite tirar o brinquedo da criança. Deixe-a brincar o tempo que puder, afinal, esse é o trabalho da criança.